Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pelo Brasil 61 só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

a) A utilização do material - na íntegra, ou em partes - só será permitida desde que as informações não sejam distorcidas, manipuladas ou alteradas.

b) Não é necessário a identificação do Brasil 61 na hora da replicação do conteúdo. Mas toda e qualquer veiculação de áudios produzidos pelo Brasil 61 prevê o cadastro no site, com a disponibilização de dados que serão utilizados para a organização do mailing desta empresa,

2º - OBRIGAÇÕES DO BRASIL 61

a) O Brasil 61 se compromete, a partir deste termo de uso, a produzir conteúdo particularizado diariamente, trazendo informações de dia-a-dia e bastidores do Planalto Central, além de outras temáticas de relevância do noticiário nacional. 

b) O acesso ao conteúdo jornalístico (na versão de leitura) é livre e gratuito, podendo ser replicado por qualquer usuário que acesse o site. O download do áudio para que seja utilizado na programação das rádios requer que o radialista realize o login no site da Agência do Rádio - informando e-mail e senha cadastrados. 

3º - OBRIGAÇÕES DOS COMUNICADORES PARCEIROS

Não alterar o sentido dos materiais, ou distorcer fala de entrevistados ou mudar a conotação das mensagens dos materiais. 

ADENDOS IMPORTANTES SOBRE A PARCERIA

a) O Brasil 61 poderá distribuir conteúdo patrocinado com ou sem assinatura dos clientes patrocinadores do boletim e sem aviso prévio ao comunicador. 

b) As rádios parceiras não vão ter participação financeira sobre o faturamento do Brasil 61.

c) Os comunicadores podem patrocinar os conteúdos do Brasil 61, desde que não alterem o sentido e a conotação dos conteúdos oferecidos. Nesses casos, o Brasil 61 Mais não terá participação nos lucros conquistados pelos veículos parceiros. 

Ao clicar em ACEITO, a emissora aqui cadastrada afirma concordar e estar ciente de todas as condições apresentadas neste Termo de Utilização de Conteúdo.

Foto: UNICEF/Price

Novo coronavírus: saiba como higienizar doações recebidas e entregues

É preciso ter alguns cuidados na hora de entregar e receber doações

Salvar imagemTexto para rádio

A solidariedade tem falado mais alto nesse período de pandemia. Com a recomendação pela Organização Mundial da Saúde (OMS) de manter o isolamento social, muitas famílias em situação de vulnerabilidade têm contado com a ajuda de doações de milhares de pessoas e organizações. 

Porém é preciso ter alguns cuidados na hora de entregar e receber essas doações, como explica o especialista de saúde do UNICEF para a Amazônia, Antonio Carlos Cabral. 

“Os cuidados são no deslocamento e no momento da entrega. Não se esquecer de levar e usar álcool gel e lenço de papel. não entrar nas residências e não entregar as doações mão a mão. Deixar o material doado na calçada, na escada, de preferência em cima de uma folha de papel. Usar máscaras domésticas e, no momento da entrega, estar com luvas de limpeza. Se tiver material informativo, disponibilizar junto às doações. Sempre depois da entrega deve-se usar álcool gel. Quando se recebe as doações, qualquer pacote, sacola, caixa ou produto que chegar na sua casa precisa ser higienizado e, se possível, fora de casa. use máscaras caseiras e luvas de limpeza quando mexer em produtos que chegam a sua casa. Higienize cada produto com água sanitária ou álcool etílico 70% utilizando um pano.” 

O especialista lembra que, após usar o pano para higienizar os produtos, deve-se enxaguá-lo com água e sabão e deixá-lo de molho em água sanitária. Antonio Carlos Cabral reforça, ainda, a importância de lavar bem as mãos após esse processo e de ficar em casa sempre que possível para que as chances de se infectar pela doença sejam reduzidas. 

Estar bem informado é essencial para proteger você e a todos à sua volta. Compartilhe informações seguras com sua família, amigos e colegas. Saiba mais sobre as ações do UNICEF contra o coronavírus no site unicef.org.br.
 

Continue Lendo

Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: A solidariedade tem falado mais alto nesse período de pandemia. Com a recomendação pela Organização Mundial da Saúde (OMS) de manter o isolamento social, muitas famílias em situação de vulnerabilidade têm contado com a ajuda de doações de milhares de pessoas e organizações. 

Porém é preciso ter alguns cuidados na hora de entregar e receber essas doações, como explica o especialista de saúde do UNICEF para a Amazônia, Antonio Carlos Cabral. 
 

“Os cuidados são no deslocamento e no momento da entrega. Não se esquecer de levar e usar álcool gel e lenço de papel. Não entrar nas residências e não entregar as doações mão a mão. Deixar o material doado na calçada, na escada, de preferência em cima de uma folha de papel. Usar máscaras domésticas e, no momento da entrega, estar com luvas de limpeza. Se tiver material informativo, disponibilizar junto às doações. Sempre depois da entrega deve-se usar álcool gel. Quando se recebe as doações, qualquer pacote, sacola, caixa ou produto que chegar na sua casa precisa ser higienizado e, se possível, fora de casa. use máscaras caseiras e luvas de limpeza quando mexer em produtos que chegam a sua casa. Higienize cada produto com água sanitária ou álcool etílico 70% utilizando um pano.” 

LOC.: O especialista lembra que, após usar o pano para higienizar os produtos, deve-se enxaguá-lo com água e sabão e deixá-lo de molho em água sanitária. Antonio Carlos Cabral reforça, ainda, a importância de lavar bem as mãos após esse processo e de ficar em casa sempre que possível para que as chances de se infectar pela doença sejam reduzidas. 

Estar bem informado é essencial para proteger você e a todos à sua volta. Compartilhe informações seguras com sua família, amigos e colegas. Saiba mais sobre as ações do UNICEF contra o coronavírus no site unicef.org.br.