Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pelo Brasil 61 só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

a) A utilização do material - na íntegra, ou em partes - só será permitida desde que as informações não sejam distorcidas, manipuladas ou alteradas.

b) Não é necessário a identificação do Brasil 61 na hora da replicação do conteúdo. Mas toda e qualquer veiculação de áudios produzidos pelo Brasil 61 prevê o cadastro no site, com a disponibilização de dados que serão utilizados para a organização do mailing desta empresa,

2º - OBRIGAÇÕES DO BRASIL 61

a) O Brasil 61 se compromete, a partir deste termo de uso, a produzir conteúdo particularizado diariamente, trazendo informações de dia-a-dia e bastidores do Planalto Central, além de outras temáticas de relevância do noticiário nacional. 

b) O acesso ao conteúdo jornalístico (na versão de leitura) é livre e gratuito, podendo ser replicado por qualquer usuário que acesse o site. O download do áudio para que seja utilizado na programação das rádios requer que o radialista realize o login no site da Agência do Rádio - informando e-mail e senha cadastrados. 

3º - OBRIGAÇÕES DOS COMUNICADORES PARCEIROS

Não alterar o sentido dos materiais, ou distorcer fala de entrevistados ou mudar a conotação das mensagens dos materiais. 

ADENDOS IMPORTANTES SOBRE A PARCERIA

a) O Brasil 61 poderá distribuir conteúdo patrocinado com ou sem assinatura dos clientes patrocinadores do boletim e sem aviso prévio ao comunicador. 

b) As rádios parceiras não vão ter participação financeira sobre o faturamento do Brasil 61.

c) Os comunicadores podem patrocinar os conteúdos do Brasil 61, desde que não alterem o sentido e a conotação dos conteúdos oferecidos. Nesses casos, o Brasil 61 Mais não terá participação nos lucros conquistados pelos veículos parceiros. 

Ao clicar em ACEITO, a emissora aqui cadastrada afirma concordar e estar ciente de todas as condições apresentadas neste Termo de Utilização de Conteúdo.

Lá vem eles de novo? Brasileiros não temem possível confronto com a Alemanha nas oitavas

Segundo o matemático Tristão Garcia, a chance de Brasil e Alemanha se enfrentarem na primeira fase do mata-mata é de 44%

Salvar imagem

Quatro anos depois e o confronto que ainda causa terror na memória dos brasileiros pode voltar a acontecer. E dessa vez, logo nas oitavas de final, em mais um mata-mata de Copa do Mundo. Ou seja, perdeu está fora. Venceu, continua na competição. E será que lá vem eles de novo ou dessa vez a história vai ser diferente?

Segundo o matemático Tristão Garcia, a chance de Brasil e Alemanha se enfrentarem na próxima fase da Copa é de 44%. Quatro anos após o maior vexame brasileiro em Copas, o trauma parece ter sido superado pelos torcedores brasileiros.Jogadores brasileiros após a derrota para a Alemanha por 7 a 1Para o estudante Renan Carrião, caso o Brasil vença a Alemanha nas oitavas, além de superar o 7 a 1, os brasileiros ganharão mais confiança para a sequência do torneio.

“Eu acho que vai ser um jogo bom, vai ser um jogo complicado, mas não estou com medo, não. Eu acho que se o Brasil enfrentar ela e passar, vai tirar a pressão do 7 a 1, por ter eliminado a Alemanha já logo no início, e vai ganhar confiança para o resto da Copa do Mundo. Acho que passando da Alemanha, o time vai ficar mais forte e o hexa vem”.

O advogado Miguel Almeida acredita que a seleção brasileira já superou a derrota para os alemães na semifinal da última Copa. Para ele, apesar do aspecto emocional dos brasileiros não estar 100%, a presença de Tite é um diferencial.

“Meu sentimento é de que o Brasil já superou aquele 7 a 1, está com um técnico melhor, o emocional não está aquela maravilha, mas eu acho que pegar a Alemanha nas oitavas vai ser um bom teste e o Brasil vai passar com certeza”.

A aposentada Eva Maria Camelo também não está muito preocupada com um possível duelo com os alemães. Segundo ela, caso o confronto ocorra, o Brasil vai avançar na competição.

“Eu não tenho medo dos alemães, de jeito nenhum. Que venham os alemães. E nós vamos ganhar, com certeza. Eu tenho confiança no Brasil e tenho certeza que o Brasil vai ganhar”.

Na opinião do estudante João Victor Dias Marques, o ideal seria que a Alemanha fosse eliminada já na fase de grupos. Ele também mostra mais preocupação com o México do que com a Alemanha, em um eventual confronto nas oitavas.

“O ideal seria mesmo que a Alemanha fosse eliminada na fase de grupo. Tem essa possibilidade. Acho que seria o cenário perfeito. Mas, passando a Alemanha, eu sinceramente não vejo com maus olhos, não. Seria ideal pegar esses adversários mais difíceis mais para a frente, mas eu vi ali os jogos do grupo até agora e me parece que o México está bem melhor do que a Alemanha. E a gente fez aquele amistoso contra eles e foi superior, então a verdade é que eu não estou com medo, não. Eu acho que pegando nas oitavas não é o ideal, mas vai dar Brasil”.

Há duas possibilidades para que as equipes voltem a se encontrar nos campos da Copa já nas oitavas de final. Se o Brasil ficar em primeiro no grupo E e a Alemanha em segundo de seu grupo ou vice e versa. E você? Prefere enfrentar a Alemanha logo de cara ou ainda sofre com o fantasma do 7 a 1? Eu prefiro acreditar no potencial dos meninos Neymar e Philippe Coutinho e partir para cima dos alemães. E como diria uma das músicas mais conhecidas no nosso país, "nós com os alemão vamos se divertir".

Reportagem, Paulo Henrique Gomes

Fonte: <a href='https://www.brasil61.com/noticias/la-vem-eles-de-novo-brasileiros-nao-temem-possivel-confronto-com-a-alemanha-nas-oitavas-pran180971' target='_blank'>Brasil 61</a>

Continue Lendo





Receba nossos conteúdos em primeira mão.