Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pelo Brasil 61 só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

a) A utilização do material - na íntegra, ou em partes - só será permitida desde que as informações não sejam distorcidas, manipuladas ou alteradas.

b) Não é necessário a identificação do Brasil 61 na hora da replicação do conteúdo. Mas toda e qualquer veiculação de áudios produzidos pelo Brasil 61 prevê o cadastro no site, com a disponibilização de dados que serão utilizados para a organização do mailing desta empresa,

2º - OBRIGAÇÕES DO BRASIL 61

a) O Brasil 61 se compromete, a partir deste termo de uso, a produzir conteúdo particularizado diariamente, trazendo informações de dia-a-dia e bastidores do Planalto Central, além de outras temáticas de relevância do noticiário nacional. 

b) O acesso ao conteúdo jornalístico (na versão de leitura) é livre e gratuito, podendo ser replicado por qualquer usuário que acesse o site. O download do áudio para que seja utilizado na programação das rádios requer que o radialista realize o login no site da Agência do Rádio - informando e-mail e senha cadastrados. 

3º - OBRIGAÇÕES DOS COMUNICADORES PARCEIROS

Não alterar o sentido dos materiais, ou distorcer fala de entrevistados ou mudar a conotação das mensagens dos materiais. 

ADENDOS IMPORTANTES SOBRE A PARCERIA

a) O Brasil 61 poderá distribuir conteúdo patrocinado com ou sem assinatura dos clientes patrocinadores do boletim e sem aviso prévio ao comunicador. 

b) As rádios parceiras não vão ter participação financeira sobre o faturamento do Brasil 61.

c) Os comunicadores podem patrocinar os conteúdos do Brasil 61, desde que não alterem o sentido e a conotação dos conteúdos oferecidos. Nesses casos, o Brasil 61 Mais não terá participação nos lucros conquistados pelos veículos parceiros. 

Ao clicar em ACEITO, a emissora aqui cadastrada afirma concordar e estar ciente de todas as condições apresentadas neste Termo de Utilização de Conteúdo.

Zebra russa e decisões por pênaltis marcam domingo de Copa

A Espanha, uma das favoritas ao título, deu adeus à competição de forma precoce

Salvar imagem

As oitavas de final da Copa estão demais. No sábado, a Argentina, de Messi, e Portugal, de Cristiano Ronaldo, foram eliminados. Neste domingo, mais uma grande seleção voltou para casa. Para alegria dos torcedores, as duas partidas foram decididas nos pênaltis.

A Rússia, que contava com o apoio da torcida, derrotou a Espanha. No outro jogo do dia, a Croácia derrotou a Dinamarca. Com isso, Rússia e Croácia irão se enfrentar nas quartas de final, no sábado (7), às três da tarde, horário de Brasília, em Sochi.Akinfeev e Subasic garantiram a classificação de suas seleçõesCroácia e Dinamarca fizeram um duelo bastante equilibrado. Logo no primeiro minuto de jogo, após cobrança de lateral na área, a bola sobrou para o zagueiro Jorgensen, que chutou mascado e viu a bola entrar mansamente no gol croata. Mas não deu tempo nem de comemorar. Dois minutos depois, Mandzukic empatou para a Croácia. Dois gols nos primeiros três minutos e o placar permaneceu inalterado por todo o tempo normal e nos dois tempos da prorrogação. Modric ainda perdeu uma penalidade, mas não fez falta. Nos pênaltis, Subasic defendeu três cobranças e colocou a Croácia nas quartas de final.

Rússia e Espanha entraram em campo com propostas de jogo definidas. Os espanhóis mantinham a posse de bola e buscavam o ataque, mas não conseguiam levar perigo. Os russos se defendiam como podiam e esperavam apenas uma oportunidade para aprontar para cima dos espanhóis.

Logo aos 12 minutos do primeiro tempo, a Espanha abriu o placar. Após cobrança de falta, o zagueiro Ignashevich se embolou com Sérgio Ramos, a bola acabou batendo na perna do russo e foi para dentro do gol. Em vantagem logo no início, os espanhóis mantinham o controle do jogo, mas não ofereciam perigo aos russos. No entanto, Dzyuba empatou para a Rússia, três minutos antes do fim do primeiro tempo, após Piqué tocar a bola com a mão dentro da área.

O jogo seguiu sem muitas surpresas e permaneceu empatado no segundo tempo e na prorrogação. Nos pênaltis, brilhou a estrela do goleiro russo Akinfeev. O arqueiro defendeu as cobranças de Koke e Aspas e garantiu a classificação da Rússia. Já De Gea, goleiro espanhol, deu uma de Muralha, pulou para o mesmo lado em todas as cobranças, e não defendeu nenhuma penalidade. Akinfeev herói, Espanha fora, Rússia classificada e muita festa em Moscou.

Nesta segunda, outros dois jogos pelas oitavas de final. Às onze horas, horário de Brasília, Brasil e México se enfrentam. Neymar e companhia jogam por uma vaga nas quartas e tentam manter o sonho do hexa. No outro jogo do dia, Bélgica e Japão jogam às três da tarde. Os vencedores irão se enfrentar na próxima fase. Quem perder está fora.

Reportagem, Paulo Henrique Gomes

#Copa2018

Fonte: <a href='https://www.brasil61.com/noticias/zebra-russa-e-decisoes-por-penaltis-marcam-domingo-de-copa-pran181010' target='_blank'>Brasil 61</a>

Continue Lendo





Receba nossos conteúdos em primeira mão.