Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pelo Brasil 61 só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

a) A utilização do material - na íntegra, ou em partes - só será permitida desde que as informações não sejam distorcidas, manipuladas ou alteradas.

b) Não é necessário a identificação do Brasil 61 na hora da replicação do conteúdo. Mas toda e qualquer veiculação de áudios produzidos pelo Brasil 61 prevê o cadastro no site, com a disponibilização de dados que serão utilizados para a organização do mailing desta empresa,

2º - OBRIGAÇÕES DO BRASIL 61

a) O Brasil 61 se compromete, a partir deste termo de uso, a produzir conteúdo particularizado diariamente, trazendo informações de dia-a-dia e bastidores do Planalto Central, além de outras temáticas de relevância do noticiário nacional. 

b) O acesso ao conteúdo jornalístico (na versão de leitura) é livre e gratuito, podendo ser replicado por qualquer usuário que acesse o site. O download do áudio para que seja utilizado na programação das rádios requer que o radialista realize o login no site da Agência do Rádio - informando e-mail e senha cadastrados. 

3º - OBRIGAÇÕES DOS COMUNICADORES PARCEIROS

Não alterar o sentido dos materiais, ou distorcer fala de entrevistados ou mudar a conotação das mensagens dos materiais. 

ADENDOS IMPORTANTES SOBRE A PARCERIA

a) O Brasil 61 poderá distribuir conteúdo patrocinado com ou sem assinatura dos clientes patrocinadores do boletim e sem aviso prévio ao comunicador. 

b) As rádios parceiras não vão ter participação financeira sobre o faturamento do Brasil 61.

c) Os comunicadores podem patrocinar os conteúdos do Brasil 61, desde que não alterem o sentido e a conotação dos conteúdos oferecidos. Nesses casos, o Brasil 61 Mais não terá participação nos lucros conquistados pelos veículos parceiros. 

Ao clicar em ACEITO, a emissora aqui cadastrada afirma concordar e estar ciente de todas as condições apresentadas neste Termo de Utilização de Conteúdo.

Esporte

Esporte
03/06/2020 09:31h

Técnico português renova contrato até junho de 2021

Baixar áudio

A torcida do Flamengo pode ficar aliviada. O clube rubro-negro e o técnico Jorge Jesus chegaram a um acordo e o técnico português fica na Gávea até junho de 2021.

Ficou definido que Jesus e a comissão técnica dele vão receber cerca de quatro milhões de euros pelo novo vínculo – o que representa cerca de R$ 23 milhões. A proposta de congelamento do valor da moeda europeia não foi aceita.

Em uma rede social, Jorge Jesus afirmou que as relações de amizade com todos os jogadores, a estrutura do clube e a nação rubro-negra foram determinantes para a decisão em ficar no Rio de Janeiro.

Pelo Flamengo, Jesus soma 51 jogos, com 38 vitórias, nove empates e quatro derrotas. Sob o comando do português, a equipe marcou 118 gols e sofreu 45, sendo campeão da Libertadores, do Brasileirão, da Recopa Sul-Americana e da Supercopa do Brasil.

Reportagem, Thiago Marcolini

Copiar o texto
Esporte
03/06/2020 09:13h

Outra alternativa que o clube estuda é acionar a medida provisória 936, que permite a redução de jornadas de trabalho e suspensão de contratos

Baixar áudio

O Botafogo de Futebol e Regatas conseguiu, por vias judiciais, a liberação de um recurso de mais de R$ 400 mil para quitar cerca 35% dos salários de março dos funcionários. Além do restante de março, o clube ainda vai continuar devendo os pagamentos referentes ao mês de abril, sendo que o mês de maio vencerá na próxima sexta-feira.

Atualmente, o Clube também busca recursos para quitar a dívida com o elenco. Isso porque ainda estão em abertos pagamentos de março e abril, incluindo férias, além dos direitos de imagem e vencimentos referente a dezembro para alguns atletas. 

Em meio à crise, o Botafogo demitiu mais de 40 funcionários há um mês. Alguns fornecedores tiveram os serviços cortados. Uma alternativa que o clube estuda é acionar a medida provisória 936, que permite a redução de jornadas de trabalho e suspensão de contratos. Até o momento, a diretoria optou por não cortar parte dos salários dos jogadores.

 

Copiar o texto
Esporte
14/05/2020 12:20h

Portaria publicada pelo Ministério da Economia prorroga as prestações dos parcelamentos tributários de maio, junho e julho

Baixar áudio

Visando minimizar os impactos da pandemia do coronavírus, o governo federal estendeu o prazo para pagamento de parcelas dos clubes que aderiram ao Programa de Refinanciamento Fiscal do Futebol Brasileiro (Profut).

Portaria publicada pelo Ministério da Economia prorroga as prestações dos parcelamentos tributários de maio, junho e julho. Segundo o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, a medida traz alívio aos clubes de futebol já que não há receita de bilheterias dos estádios, além da redução da arrecadação com programas de sócio-torcedor e patrocínios.

As prestações de maio passam a vencer em agosto, as com vencimento em junho foram prorrogadas para outubro, e as que deveriam ser pagas em julho serão aceitas até dezembro.

Há, ainda, outras iniciativas do governo para minimizar impactos do coronavírus nas atividades esportivas, com propostas de flexibilização da Lei Pelé, do Estatuto do Torcedor e do próprio Profut. 
 

Copiar o texto
Esporte
20/04/2020 12:00h

Torcedores já podem comprar pela internet acessórios das 30 equipes profissionais da NBA e das 12 da WNBA e custam cerca de R$ 79

Baixar áudio

A liga norte-americana de basquete, a NBA, anunciou a produção de máscaras faciais customizadas dos times masculinos e femininos. O valor arrecadado com os produtos será doado para duas instituições de combate à fome nos Estados Unidos e no Canadá.

As máscaras, que são feitas de pano, estão disponíveis nas lojas virtuais nbastore.com e wnbastore.com. Estão disponíveis modelos das 30 equipes masculinas e 12 femininas, nos tamanhos adulto e infantil. É possível comprar pacotes com três unidades a US$ 24,99, cerca de R$ 130. Já a máscara individual pode ser comprada a US$ 14,99, cerca de R$ 79.

O objetivo da venda dos produtos, além de ajudar projetos sociais, é evitar a propagação do novo coronavírus. Nos Estados Unidos, a pandemia de covid-19 preocupa as autoridades, já que nenhum outro país das Américas registrou mais mortes ou mais casos confirmados.
 

Copiar o texto
Esporte
19/04/2020 04:07h

Entidade pondera que decisões estão condicionadas à garantia de preservação da saúde de atletas e torcedores e à reabertura de fronteiras

Baixar áudio

Mesmo com as incertezas sobre a pandemia de covid-19 e o calendário apertado, a Conmebol anunciou que pretende encerrar a Libertadores e a Sul-Americana deste ano apenas em campo. Nove times brasileiros disputam essas competições.

Já em relação às Eliminatórias para a Copa de 2022, a entidade informou que a intenção é manter o formato atual, com 18 rodadas e pontos corridos. A projeção é que o torneio comece entre os dias 4 e 8 de setembro.

No mês passado, a Conmebol já havia anunciado o adiamento da Copa América deste ano para os meses de junho e julho de 2021, na Argentina e na Colômbia. Todas essas decisões, segundo a entidade, estão condicionadas à garantia de preservação da saúde de atletas e torcedores e à reabertura de fronteiras.
 

Copiar o texto
Esporte
18/04/2020 08:00h

Emissoras relembram momentos marcantes para distrair torcedores e suprir um pouco a saudade do futebol

Baixar áudio

Para os torcedores que estão sofrendo com a falta de futebol durante a pandemia, canais pagos e de TV aberta têm um cardápio recheado neste fim de semana que pode ajudar a matar a saudade do seu time do coração.

Neste sábado, às duas e meia da tarde, o SporTV transmite a reprise do jogo entre Corinthians e Internacional, que praticamente sacramentou o título do Campeonato Brasileiro de 2005 do Timão. A partida, cheia de polêmicas e que poderia dar a liderança ao clube gaúcho, é alvo de reclamação dos colorados até hoje por um pênalti não marcado e a expulsão, na sequência, do meia Tinga.

Você que não teve o prazer de ver a seleção brasileira na Copa de 70, vai poder acompanhar o esquadrão que seu pai ou avô tanto falava. Neste sábado, às cinco e meia da tarde, o SporTV reprisa a semifinal entre Brasil e Uruguai, com direito a gols de Jairzinho e Rivelino. No domingo, às seis da tarde, o canal exibe a partida entre Brasil x Itália, jogo que deu o tricampeonato ao Brasil.

Na TV aberta, também tem bola rolando. A Band transmite no domingo, às duas da tarde, a final do Mundial de Clubes de 1992, entre São Paulo e Barcelona. Duelo de craques do passado que deu o primeiro título do torneio ao Tricolor Paulista. No tradicional horário de quatro da tarde, a Globo revive o show do Brasil pra cima da Argentina na final da Copa das Confederações de 2005. Como vencer os hermanos é ainda mais gostoso, já pode preparar sua cervejinha e matar a saudade da geração de Adriano, Robinho, Kaká e Ronaldinho Gaúcho. 
 

Copiar o texto
Esporte
15/04/2020 08:44h

O retorno das atividades das equipes, antes programada para o dia 21 de abril, passa para o dia primeiro de maio

Baixar áudio

Em reunião realizada por videoconferência nesta terça-feira (14), a Comissão Nacional de Clubes (CNC) decidiu ampliar as férias de atletas de equipes de futebol das Séries A e B do Campeonato Brasileiro por mais dez dias devido à pandemia do novo coronavírus. 

O retorno das atividades, antes programada para o dia 21 de abril, passa para o dia primeiro de maio. O encontro contou com a participação de representantes de clubes da primeira e segunda divisão do futebol brasileiro. 

Segundo a CNC, Flamengo, Vasco e Botafogo não concordaram com a medida e optaram por não ampliar as férias dos atletas. Os clubes alegaram que aguardam “o resultado de estudos objetivando um possível retorno do Campeonato Estadual do Rio de Janeiro no mês de maio, desde que isso não prejudique o calendário do futebol nacional”.

Em nota divulgada após a reunião, a Comissão Nacional de Clubes que a medida tem “o objetivo de preservar o calendário do futebol brasileiro e todas as suas competições (Estaduais, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro)”.
 

Copiar o texto
Esporte
08/04/2020 09:34h

O ex-jogador e seu irmão Assis tiveram que desembolsar 1,6 milhão de dólares e agora estão sob escolta policial em hotel em Assunção

Baixar áudio

O ex-jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Assis deixaram a prisão onde estavam em Assunção. Após passarem 32 dias presos, Ronaldinho e o irmão conseguiram a mudança de regime para prisão domiciliar. Agora, os dois ficarão em um hotel na capital paraguaia, em quartos separados, e sob escolta policial. 

Eles tiveram que pagar fiança no valor de 1,6 milhão de dólares, o que corresponde a aproximadamente R$ 7,8 milhões para poderem deixar o Grupamento Especializado da Polícia Nacional do Paraguai.

Eles passarão a viver em um hotel na capital do Paraguai, enquanto esperam o desenrolar do processo ao qual respondem por terem entrado no país com documentos adulterados, no início de março.

Ronaldinho eAssis estão sendo acusados de terem usado passaportes falsos para ingressar no Paraguai em 4 de março. 
 

Copiar o texto
Esporte
08/04/2020 09:30h

No total, 140 clubes e 27 federações receberam valores entre R$ 50 mil e R$ 120 mil

Baixar áudio

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou que irá destinar cerca de R$ 19 milhões para ajudar equipes que disputam as Séries C e D do Campeonato Brasileiro masculino e as Séries A1 e A2 do Campeonato Brasileiro Feminino durante a pandemia do novo coronavírus. Os clubes receberão os valores equivalentes a duas vezes a folha salarial média dos atletas de cada uma dessas competições. 

No total, 140 clubes serão beneficiados com o auxílio. As 68 equipes da Série D irão receber R$ 120 mil, cada. Os 20 vinte times da Série C irão receber R$ 200 mil, cada um. 

Os 16 clubes da Série A1 do Campeonato Brasileiro Feminino receberão, cada um, R$ 120 mil. Para os 36 clubes da Série A2 do Campeonato Brasileiro Feminino, o auxílio por clube será de R$ 50 mil. 

Além disso, cada federação de futebol dos 26 estados e do Distrito Federal irá receber R$ 120 mil. No total, a CBF irá disponibilizar R$ 19.120.000 de auxílio para os clubes e federações.
 

Copiar o texto
Esporte
30/03/2020 12:08h

O anúncio foi feito pelo COI nesta segunda-feira (30); Paralimpíadas serão realizadas entre os dias 24 de agosto e cinco de setembro

Baixar áudio

O Comitê Olímpico Internacional (COI) confirmou nesta segunda-feira (30) as datas em que serão realizadas a Olímpiada e a Paralimpíada de Tóquio. A Olimpíada será disputada entre os dias 23 de julho a oito de agosto e os jogos Paralímpicos serão disputados de 24 de agosto a cinco de setembro de 2021. As competições seriam neste ano, mas foram adiadas em função da pandemia do coronavírus. 

A decisão foi tomada após estudos e negociações entre o Comitê Olímpico Internacional, o governo de Tóquio e representantes de federações esportivas e comitês nacionais. 

Segundo o comunicado divulgado pelo COI, as datas foram definidas baseadas em três considerações principais: a proteção da saúde de atletas e envolvidos com os eventos, os interesses dos atletas e do esporte olímpico e o calendário internacional de esportes. 

De acordo com o órgão, as novas datas dão às autoridades de saúde e a todos os envolvidos na organização da competição o tempo máximo para lidar com o cenário em constante mudança e com as alterações causadas pela pandemia do Covid-19.

Os atletas que estavam classificados para as Olimpíadas e Paralimpíadas permanecerão com as vagas.
 

Copiar o texto

Acesse nossos conteúdos de rádio