Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pelo Brasil 61 só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

a) A utilização do material - na íntegra, ou em partes - só será permitida desde que as informações não sejam distorcidas, manipuladas ou alteradas.

b) Não é necessário a identificação do Brasil 61 na hora da replicação do conteúdo. Mas toda e qualquer veiculação de áudios produzidos pelo Brasil 61 prevê o cadastro no site, com a disponibilização de dados que serão utilizados para a organização do mailing desta empresa,

2º - OBRIGAÇÕES DO BRASIL 61

a) O Brasil 61 se compromete, a partir deste termo de uso, a produzir conteúdo particularizado diariamente, trazendo informações de dia-a-dia e bastidores do Planalto Central, além de outras temáticas de relevância do noticiário nacional. 

b) O acesso ao conteúdo jornalístico (na versão de leitura) é livre e gratuito, podendo ser replicado por qualquer usuário que acesse o site. O download do áudio para que seja utilizado na programação das rádios requer que o radialista realize o login no site da Agência do Rádio - informando e-mail e senha cadastrados. 

3º - OBRIGAÇÕES DOS COMUNICADORES PARCEIROS

Não alterar o sentido dos materiais, ou distorcer fala de entrevistados ou mudar a conotação das mensagens dos materiais. 

ADENDOS IMPORTANTES SOBRE A PARCERIA

a) O Brasil 61 poderá distribuir conteúdo patrocinado com ou sem assinatura dos clientes patrocinadores do boletim e sem aviso prévio ao comunicador. 

b) As rádios parceiras não vão ter participação financeira sobre o faturamento do Brasil 61.

c) Os comunicadores podem patrocinar os conteúdos do Brasil 61, desde que não alterem o sentido e a conotação dos conteúdos oferecidos. Nesses casos, o Brasil 61 Mais não terá participação nos lucros conquistados pelos veículos parceiros. 

Ao clicar em ACEITO, a emissora aqui cadastrada afirma concordar e estar ciente de todas as condições apresentadas neste Termo de Utilização de Conteúdo.

Foto: divulgação

PE: Parceria entre SENAI e Fiat vai devolver 134 respiradores consertados a unidades de saúde

Aparelhos são usados para tratar pacientes com covid-19; Secretaria Estadual de Saúde já recebeu de volta 12 equipamentos desse tipo

Salvar imagemTexto para rádio

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de Pernambuco (SENAI-PE) não tem medido esforços para ajudar no combate ao novo coronavírus. Em parceria com a Fiat Chrysler Automóveis (FCA), a entidade tem acelerado o conserto e a entrega de ventiladores pulmonares, equipamentos essenciais para ajudar vítimas da covid-19. No total, já foram entregues 134 aparelhos para manutenção – 12 já foram devolvidos, prontos para uso, à Secretaria Estadual de Saúde.
 
Com a parceria, os equipamentos, também conhecidos como respiradores, seguem para uma unidade da Polo Jeep em Goiana para serem consertados. A ideia, segundo as instituições, é garantir a troca de conhecimentos, contribuir para aumentar a capacidade de atendimento e agilizar a aquisição das peças necessárias para o conserto.
 
“O objetivo final é conseguirmos ser mais ágeis e eficientes para realizar a manutenção de forma colaborativa, uma vez que o SENAI e a FCA atuaram em frentes de marcas e modelos diferentes, adquirindo conhecimento durante esse período específico”, explica o gerente de Consultoria do SENAI-PE, Oziel Alves.
 
A ação batizada de + Manutenção de Respiradores, idealizada pelo governo federal e pelo SENAI nacional, conta com 30 pontos de apoio em todo o país, onde as unidades recebem, desde abril, aparelhos para serem consertados.


 
Além de Pernambuco, a FCA está recebendo respiradores de Alagoas e Paraíba. Até agora, 21 aparelhos já foram consertados e devolvidos e outros 101 continuam em manutenção. “A troca de conhecimentos entre profissionais do SENAI e da FCA em situações-problemas já enfrentadas é fundamental para dar mais celeridade e agilidade na detecção e correção de defeitos”, avalia Alves.  
 
O gerente de montagem da Jeep, Mateus Marchioro, garante que a empresa tem tomado todas as medidas para frear a doença no país. “Para nós, é uma honra juntar esforços com o SENAI. Essa e outras ações continuarão sendo tomadas até que a situação se regularize”, garante.
 
De acordo com o médico infectologista do Hospital das Forças Armadas (HFA) Hemerson Luz, 80% dos pacientes com covid-19 apresentam quadro considerado brando, com sintomas mais leves. Outros 15% necessitarão de apoio médico e de remédios e os 5% restantes representam os casos mais graves, precisando de suporte intensivo, como leitos na UTI e aparelhos respiradores – como esses consertados pelo SENAI.
 
“É de suma importância que haja oferta de respiradores para pacientes que evoluem com insuficiência respiratória. Essa oferta está diretamente ligada à taxa de letalidade. Por isso, o trabalho de manutenção e de deixar esses ventiladores funcionando é um dos trabalhos mais importantes no combate a essa pandemia”, alerta o infectologista.

Segundo o gerente de montagem da Jeep, Mateus Marchioro, a empresa tem tomado todas as medidas para frear a doença no país e garante que ações como essa “continuarão sendo tomadas até que a situação se regularize”.

Fonte: <a href='https://www.brasil61.com/noticias/pe-parceria-entre-senai-e-fiat-vai-devolver-134-respiradores-consertados-a-unidades-de-saude-pind201958' target='_blank'>Brasil 61</a>

Continue Lendo





Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC: O SENAI e a Fiat Chrysler Automóveis (FCA) se uniram no combate ao novo coronavírus no estado. Juntas, as instituições têm acelerado o conserto e a entrega de ventiladores pulmonares, equipamentos essenciais para ajudar vítimas da covid-19.
 
No total, já foram entregues 134 aparelhos. Desses, 12 já foram devolvidos prontos para uso à Secretaria Estadual de Saúde. A ação, batizada de + Manutenção de Respiradores, conta com 30 pontos de apoio em todo o país, onde as unidades do SENAI recebem, desde abril, aparelhos para serem consertados.

O gerente de Consultoria do SENAI-PE, Oziel Alves, ressalta a importância de parcerias como essa durante a pandemia.
 

“O objetivo final é conseguirmos ser mais ágeis e eficientes para realizar a manutenção de forma colaborativa. A troca de conhecimentos entre profissionais do SENAI e da FCA em situações-problemas enfrentadas é fundamental para dar mais celeridade e agilidade na detecção e correção de defeitos.”

LOC.: De acordo com o médico infectologista do Hospital das Forças Armadas (HFA) Hemerson Luz, 80% dos pacientes com covid-19 apresentam quadro considerado brando, com sintomas mais leves. Outros 15% necessitarão de apoio médico e de remédios e os 5% restantes representam os casos mais graves, precisando de suporte intensivo, como leitos na UTI e aparelhos respiradores – como esses consertados pelo SENAI.

“É importante que haja oferta de respiradores para pacientes que evoluem com insuficiência respiratória. Essa oferta está diretamente ligada à taxa de letalidade. Por isso, o trabalho de manutenção e de deixar esses ventiladores funcionando é importante no combate a essa pandemia.”

LOC.: Segundo o gerente de montagem da Jeep, Mateus Marchioro, a empresa tem tomado todas as medidas para frear a doença no país e garante que ações como essa “continuarão sendo tomadas até que a situação se regularize”.
 
Reportagem, Jalila Arabi.