Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pela Agência do Rádio Mais só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pela Agência do Rádio Mais só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pela Agência do Rádio Mais só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

Declaro que li e aceito os Termos de Uso.
Foto: Ministério da Saúde

PALMAS: Estado vai distribuir mais de 100 mil preservativos como forma de combater o HIV durante o carnaval

A Secretaria Municipal de Saúde também distribuirá 30 mil unidades de gel lubrificante

Salvar imagemTexto para rádio

O carnaval está chegando e é importante que os foliões aproveitem a festa sem deixar de lado os cuidados com a saúde e se previnam contra o HIV e outras infecções sexualmente transmissíveis (IST) como a sífilis e o HPV.  Por isso, é muito importante que os moradores de Palmas se protejam e aproveitem a folia de maneira segura. A Secretaria Municipal de Saúde está distribuindo 100 mil preservativos e 30 mil unidades de gel lubrificante. 

A enfermeira coordenadora do Grupo Condutor das Doenças Infecto Contagiosas da Secretaria de Saúde municipal, Luciana Noleto, reforça que a as equipes de saúde estão prontas para atender à população durante o carnaval. “Para a ação de carnaval, todas as unidades estão realizando atividades de foco ao carnaval para fazer atividades de orientação, com foco no uso do preservativo”, afirma.

De acordo com a coordenadora, o número de casos vem crescendo na capital desde 2014. Só em 2018, foram notificados mais de cento e sessenta casos novos de HIV. Atualmente, em Palmas, estão em tratamento mil duzentas e vinte e uma pessoas que vivem com HIV. O número de pessoas que vivem com HIV tem aumentado no Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde. Setenta e três por cento dos novos casos são em homens. Entre esses um quinto está entre os jovens de 15 a 24 anos. 

Quem vive com o vírus do HIV alerta para a prevenção. Esse é o recado de uma moradora de Palmas, servidora pública, de 32 anos, que prefere não se identificar. Ela contou que foi diagnosticada no início de 2017 e que estava com crises de infecção urinária desde o final de 2016. "Eu procurei um clínico, que tinha acompanhado minha internação no final do ano de 2016. Aí foi quando ele pediu um check-up e falou que ia pedir o exame de HIV. E perguntou quando eu tinha feito o último, se eu lembrava. Eu falei: 'Que eu me lembre, eu fiz na minha última gestação. Minha filha mais nova tem 11 anos’. Foi quando veio à tona a notícia", relembra.

Para quem for curtir a folia em Palmas, a distribuição de preservativos está concentrada nas Unidades Básicas de Saúde. O horário de funcionamento é das sete da manhã às seis da tarde. Então, não se descuide e use camisinha. Em caso de dúvida, procure a Unidade Básica de Saúde mais próxima. Conheça todas as formas de prevenção em aids.gov.br. Ministério da Saúde. Governo Federal. Pátria Amada Brasil. 

Continue Lendo

Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O carnaval está chegando e é importante que os foliões aproveitem a festa sem deixar de lado os cuidados com a saúde e se previnam contra o HIV e outras infecções sexualmente transmissíveis (IST) como a sífilis e o HPV.  Por isso, é muito importante que os moradores de Palmas se protejam e aproveitem a folia de maneira segura. A Secretaria Municipal de Saúde está distribuindo 100 mil preservativos e 30 mil unidades de gel lubrificante. 

A enfermeira coordenadora do Grupo Condutor das Doenças Infecto Contagiosas da Secretaria de Saúde municipal, Luciana Noleto, reforça que a as equipes de saúde estão prontas para atender à população durante o carnaval. 
 

TEC./SONORA: Luciana Silva, enfermeira coordenadora do Grupo Condutor das Doenças Infecto Contagiosas da Secretaria de Saúde de Palmas. 

“Para a ação de carnaval, todas as unidades estão realizando atividades de foco ao carnaval para fazer atividades de orientação, com foco no uso do preservativo”.
 

LOC.: De acordo com a coordenadora, o número de casos vem crescendo na capital desde 2014. Só em 2018, foram notificados mais de cento e sessenta casos novos de HIV. Atualmente, em Palmas, estão em tratamento mil duzentas e vinte e uma pessoas que vivem com HIV.

O número de pessoas que vivem com HIV tem aumentado no Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde. Setenta e três por cento dos novos casos são em homens. Entre esses um quinto está entre os jovens de 15 a 24 anos. 

Quem vive com o vírus do HIV alerta para a prevenção. Esse é o recado de uma moradora de Palmas, servidora pública, de 32 anos, que prefere não se identificar. Ela contou que foi diagnosticada no início de 2017 e que estava com crises de infecção urinária desde o final de 2016. 
 

TEC./SONORA: Servidora, 32 anos, prefere não se identificar.

"Eu procurei um clínico, que tinha acompanhado minha internação no final do ano de 2016. Aí foi quando ele pediu um check-up e falou que ia pedir o exame de HIV. E perguntou quando eu tinha feito o último, se eu lembrava. Eu falei: 'Que eu me lembre, eu fiz na minha última gestação. Minha filha mais nova tem 11 anos’. Foi quando veio à tona a notícia.”
 

LOC.: Para quem for curtir a folia em Palmas, a distribuição de preservativos está concentrada nas Unidades Básicas de Saúde. O horário de funcionamento é das sete da manhã às seis da tarde. Então, não se descuide e use camisinha. Em caso de dúvida, procure a Unidade Básica de Saúde mais próxima. Conheça todas as formas de prevenção em aids.gov.br. Ministério da Saúde. Governo Federal. Pátria Amada Brasil.