Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pelo Brasil 61 só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

a) A utilização do material - na íntegra, ou em partes - só será permitida desde que as informações não sejam distorcidas, manipuladas ou alteradas.

b) Não é necessário a identificação do Brasil 61 na hora da replicação do conteúdo. Mas toda e qualquer veiculação de áudios produzidos pelo Brasil 61 prevê o cadastro no site, com a disponibilização de dados que serão utilizados para a organização do mailing desta empresa,

2º - OBRIGAÇÕES DO BRASIL 61

a) O Brasil 61 se compromete, a partir deste termo de uso, a produzir conteúdo particularizado diariamente, trazendo informações de dia-a-dia e bastidores do Planalto Central, além de outras temáticas de relevância do noticiário nacional. 

b) O acesso ao conteúdo jornalístico (na versão de leitura) é livre e gratuito, podendo ser replicado por qualquer usuário que acesse o site. O download do áudio para que seja utilizado na programação das rádios requer que o radialista realize o login no site da Agência do Rádio - informando e-mail e senha cadastrados. 

3º - OBRIGAÇÕES DOS COMUNICADORES PARCEIROS

Não alterar o sentido dos materiais, ou distorcer fala de entrevistados ou mudar a conotação das mensagens dos materiais. 

ADENDOS IMPORTANTES SOBRE A PARCERIA

a) O Brasil 61 poderá distribuir conteúdo patrocinado com ou sem assinatura dos clientes patrocinadores do boletim e sem aviso prévio ao comunicador. 

b) As rádios parceiras não vão ter participação financeira sobre o faturamento do Brasil 61.

c) Os comunicadores podem patrocinar os conteúdos do Brasil 61, desde que não alterem o sentido e a conotação dos conteúdos oferecidos. Nesses casos, o Brasil 61 Mais não terá participação nos lucros conquistados pelos veículos parceiros. 

Ao clicar em ACEITO, a emissora aqui cadastrada afirma concordar e estar ciente de todas as condições apresentadas neste Termo de Utilização de Conteúdo.

Foto: Divulgação

“Encontros”: filme francês revela relações doentias e rotineiras da vida contemporânea

Dirigido por Cédric Kaplisch, o drama conta com François Civil e Ana Girardot no elenco

Salvar imagem

Gravado nas ruas movimentadas de Paris, o filme “Encontros” une duas estórias que se cruzam, mas não interagem entre si. Rémi, interpretado por François Civil, é um jovem de 30 anos que acabou de passar por um momento marcante no ambiente de trabalho: todos os colegas foram demitidos menos ele. 

Já Mélanie, interpretada por Ana Girardot, é uma jovem da mesma faixa etária de Rémi. Apesar de ter uma carreira alavancando, a garota não consegue ser feliz porque se incapaz de superar um relacionamento de longa data. Ela busca refúgio nas relações prazerosas imediatas de um aplicativo de namoro. 

A estória dos dois jovens se cruza. Eles moram em prédios vizinhos, fazem compras no mesmo mercado, frequentam a terapia e descobrem estar com depressão. Mas eles não se relacionam, não se conhecem e não enxergam um ao outro. 

Acredito que falar sobre relações doentias e a rotina contemporânea dos dias seja essencial para refletir sobre esse longa que diz tanto sobre os jovens do século 21. Passam por relacionamentos abusivos e não conseguem se desvencilhar. Têm a estranha mania de se culpar por tudo, como é o caso de Rémi. Por isso esse filme é tão importante de ser visto, assistido e comentado. 

Em alguns momentos, “Encontros” parece ser bem arrastado e repetitivo, mas acredito que seja somente porque o diretor Cédric Kaplisch gostaria de mostrar as similaridades e comportamentos iguais entre as pessoas. 

A caminhada do longa para que os protagonistas se encontrem é muito bem-feita, e a montagem se alinha ao que foi proposto. Quando menos se espera, Rémi e Mélanie se veem enfrentando os mesmos medos, preconceitos e situações. 

Por ser um filme mais voltado para o indie, não há música o tempo inteiro, e o som ambiente é mais valorizado. Porém, no momento em que há trilha sonora é definitivo: cativa, emociona e anima. “Encontros” estreia nesta quinta-feira (3) nos cinemas brasileiros.

Fonte: <a href='https://www.brasil61.com/noticias/encontros-filme-frances-revela-relacoes-doentias-e-rotineiras-da-vida-contemporanea-pran197865' target='_blank'>Brasil 61</a>

Continue Lendo





Receba nossos conteúdos em primeira mão.