Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pelo Brasil 61 só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

a) A utilização do material - na íntegra, ou em partes - só será permitida desde que as informações não sejam distorcidas, manipuladas ou alteradas.

b) Não é necessário a identificação do Brasil 61 na hora da replicação do conteúdo. Mas toda e qualquer veiculação de áudios produzidos pelo Brasil 61 prevê o cadastro no site, com a disponibilização de dados que serão utilizados para a organização do mailing desta empresa,

2º - OBRIGAÇÕES DO BRASIL 61

a) O Brasil 61 se compromete, a partir deste termo de uso, a produzir conteúdo particularizado diariamente, trazendo informações de dia-a-dia e bastidores do Planalto Central, além de outras temáticas de relevância do noticiário nacional. 

b) O acesso ao conteúdo jornalístico (na versão de leitura) é livre e gratuito, podendo ser replicado por qualquer usuário que acesse o site. O download do áudio para que seja utilizado na programação das rádios requer que o radialista realize o login no site da Agência do Rádio - informando e-mail e senha cadastrados. 

3º - OBRIGAÇÕES DOS COMUNICADORES PARCEIROS

Não alterar o sentido dos materiais, ou distorcer fala de entrevistados ou mudar a conotação das mensagens dos materiais. 

ADENDOS IMPORTANTES SOBRE A PARCERIA

a) O Brasil 61 poderá distribuir conteúdo patrocinado com ou sem assinatura dos clientes patrocinadores do boletim e sem aviso prévio ao comunicador. 

b) As rádios parceiras não vão ter participação financeira sobre o faturamento do Brasil 61.

c) Os comunicadores podem patrocinar os conteúdos do Brasil 61, desde que não alterem o sentido e a conotação dos conteúdos oferecidos. Nesses casos, o Brasil 61 Mais não terá participação nos lucros conquistados pelos veículos parceiros. 

Ao clicar em ACEITO, a emissora aqui cadastrada afirma concordar e estar ciente de todas as condições apresentadas neste Termo de Utilização de Conteúdo.

Ivan Storti/Santos FC

BRASILEIRÃO: Em rodada recheada de clássicos, Santos quer abrir vantagem na ponta da tabela

No Nordeste, Ceará e Fortaleza voltam a se enfrentar pela Série A após 26 anos. Haverá clássico também entre Timão e Verdão e Galo contra Raposa

Salvar imagemTexto para rádio

Depois de uma semana agitada por conta dos compromissos na Libertadores e Sul-Americana, chegou a hora dos times voltarem as atenções para a corrida maluca do Brasileirão. Neste fim de semana, nove jogos movimentam a 13ª rodada.

No sábado (3), duas partidas abrem o fim de semana de futebol. E nada melhor que um clássico de peso no Nordeste. Depois de 26 anos, Ceará e Fortaleza voltam se enfrentar pela Série A. Em situação parecida na tabela, os rivais precisam da vitória para se afastar da zona perigosa. O Vozão é o 13º colocado, com 14 pontos, mesma pontuação do Fortaleza, que vem uma posição abaixo. O Castelão vai ficar pequeno!

No Maracanã, o Fluminense tenta espantar a má fase diante do Internacional. O Tricolor é o primeiro time da zona de rebaixamento, ocupando o 17º lugar. Situação oposta a do Colorado, sexto colocado.

No domingo (4), na Vila Belmiro, o líder Santos entra em campo às onze da manhã. Com 29 pontos, a equipe de Jorge Sampaoli precisa vencer para se manter na ponta. O adversário será o Goiás, que está na nona posição.

Mais tarde, às quatro da tarde, o lanterna Avaí enfrenta o décimo colocado Botafogo. Na Arena Fonte Nova, o Bahia joga contra o Flamengo. O Tricolor é o 12º colocado, enquanto o Fla está em terceiro e não quer se descolar da briga pela liderança.

Quando o relógio bater às sete da noite, São Paulo e Minas Gerais vão parar. Em Itaquera, Corinthians e Palmeiras medem suas forças no dérbi de maior rivalidade do estado. Em oitavo na classificação, o Timão ainda não deslanchou, enquanto o Verdão é vice-líder, dois pontos atrás do Santos.

Em Minas, a distância é um pouco maior. Atlético Mineiro e Cruzeiro vivem situações bem diferentes no Brasileirão. O Galo é o quarto colocado, enquanto a Raposa amarga a 16ª posição, à beira do perigo.

Na parte de baixo da tabela, Vasco e CSA jogam no estádio Kleber Andrade, no Espírito Santo. O Gigante da Colina é o 15º, enquanto o CSA está na 19ª posição.
Fechando a rodada, às oito da noite, Grêmio e Chapecoense se enfrentam em Porto Alegre. Classificado na Libertadores e na Copa do Brasil, o tricolor gaúcho quer repetir o bom desempenho no Campeonato Brasileiro, em que aparece em 11º lugar. Já a Chape patina na zona do rebaixamento, em 18º.

Athletico Paranaense e São Paulo, que jogariam nesta rodada, tiveram a partida adiada. Como venceu a Sul-Americana no ano passado, o Furacão terá compromissos no Japão na próxima semana. O jogo entre a equipe paranaense e o tricolor paulista ainda não tem data definida para ocorrer.
 

Fonte: <a href='https://www.brasil61.com/noticias/brasileirao-em-rodada-recheada-de-classicos-santos-quer-abrir-vantagem-na-ponta-da-tabela-pran197648' target='_blank'>Brasil 61</a>

Continue Lendo





Receba nossos conteúdos em primeira mão.

Depois de uma semana agitada por conta dos compromissos na Libertadores e Sul-Americana, chegou a hora dos times voltarem as atenções para a corrida maluca do Brasileirão. Neste fim de semana, nove jogos movimentam a 13ª rodada.

No sábado (3), duas partidas abrem o fim de semana de futebol. E nada melhor que um clássico de peso no Nordeste. Depois de 26 anos, Ceará e Fortaleza voltam se enfrentar pela Série A. Em situação parecida na tabela, os rivais precisam da vitória para se afastar da zona perigosa. O Vozão é o 13º colocado, com 14 pontos, mesma pontuação do Fortaleza, que vem uma posição abaixo. O Castelão vai ficar pequeno!

No Maracanã, o Fluminense tenta espantar a má fase diante do Internacional. O Tricolor é o primeiro time da zona de rebaixamento, ocupando o 17º lugar. Situação oposta a do Colorado, sexto colocado.

No domingo (4), na Vila Belmiro, o líder Santos entra em campo às onze da manhã. Com 29 pontos, a equipe de Jorge Sampaoli precisa vencer para se manter na ponta. O adversário será o Goiás, que está na nona posição.

Mais tarde, às quatro da tarde, o lanterna Avaí enfrenta o décimo colocado Botafogo. Na Arena Fonte Nova, o Bahia joga contra o Flamengo. O Tricolor é o 12º colocado, enquanto o Fla está em terceiro e não quer se descolar da briga pela liderança.

Quando o relógio bater às sete da noite, São Paulo e Minas Gerais vão parar. Em Itaquera, Corinthians e Palmeiras medem suas forças no dérbi de maior rivalidade do estado. Em oitavo na classificação, o Timão ainda não deslanchou, enquanto o Verdão é vice-líder, dois pontos atrás do Santos.

Em Minas, a distância é um pouco maior. Atlético Mineiro e Cruzeiro vivem situações bem diferentes no Brasileirão. O Galo é o quarto colocado, enquanto a Raposa amarga a 16ª posição, à beira do perigo.

Na parte de baixo da tabela, Vasco e CSA jogam no estádio Kleber Andrade, no Espírito Santo. O Gigante da Colina é o 15º, enquanto o CSA está na 19ª posição.
Fechando a rodada, às oito da noite, Grêmio e Chapecoense se enfrentam em Porto Alegre. Classificado na Libertadores e na Copa do Brasil, o tricolor gaúcho quer repetir o bom desempenho no Campeonato Brasileiro, em que aparece em 11º lugar. Já a Chape patina na zona do rebaixamento, em 18º.

Athletico Paranaense e São Paulo, que jogariam nesta rodada, tiveram a partida adiada. Como venceu a Sul-Americana no ano passado, o Furacão terá compromissos no Japão na próxima semana. O jogo entre a equipe paranaense e o tricolor paulista ainda não tem data definida para ocorrer.

Reportagem, Raphael Costa